Enter your keyword

26.3.12

"MDNA" novo disco de Madonna volta a ser rainha do Pop

Em "MDNA", Madonna fala sobre divórcio e opressão interna

“MDNA”: novo disco reafirma Madonna como a rainha do pop

A cantora Madonna lança oficialmente, nesta segunda-feira (26), o seu 12º álbum de estúdio, “MDNA”. O disco é lançado no ano em que a estrela comemora 30 anos do lançamento de seu primeiro hit, “Everybody”, de 1982.

O CD é o primeiro registro de músicas inéditas da rainha do pop desde seu último disco, “Hard Candy”, de 2008. A produção do trabalho conta com a experiência de William Orbit, que trabalhou com a cantora no disco “Ray of Light”, de 1998.

“MDNA” traz em sua versão padrão 12 faixas que passeiam pelos extremos da linha tênue que existe entre o pop dançante e as baladas mais sombrias. “Ela mostra ao mundo como o pop deve ser feito. MDNA é uma coleção de boas e poderosas canções pop, algumas delas feitas com brilhantismo”, disse a revista Billboard sobre o novo disco da estrela.

Logo na primeira faixa, “Girl Gone Wild“, Madonna já mostra a que veio. “As garotas só querem se divertir”, Madonna relembra o clássico de Cindy Lauper, acompanhada de um conceito que remete a outros grandes hits de sua carreira ao falar dos prazeres da vida e da dança.

Em “Gang Bang“, escrita com o cantor frânces Mika, a cantora fala sobriamente sobre assassinar seu amante. Outra faixa do disco, “I Don’t Give A“, segue temática semelhante e conta a trajetória de um casamento infeliz. Muitos viram na letra uma indireta para o ex-marido da cantora, Guy Ritchie. A canção conta com a participação da rapper Nicki Minaj, que afirma na letra: “Existe apenas uma rainha, e ela é Madonna”.

“Give Me All Your Luvin’“, a já conhecida parceria com M.I.A. e Nicki Minaj, se diferencia das outras faixas do disco por preferir um ppop chiclete e divertido às batidas eletrônicas, como nas faixas “Some Girls” e “Love Spent“.

Uma das canções que chamaram a atenção no disco mesmo antes de seu lançamento foi “Superstar“, que conta com os vocais da filha de Madonna, Lourdes Maria, de 15 anos. “Turn Up The Radio” e “I’m Addicted” são canções dançantes que podem facilmente ser próximos hits das pistas de dança.

Em “I’m a Sinner” a estrela retoma temas religiosos, que sempre causaram polêmica em sua carreira. “Eu sou uma pecadora, eu gosto de ser assim”, diz na letra. As baladas “Falling Free” e “Masterpiece” configuram o charme ideal para encerrar o álbum com chave de ouro e mostrar a versatilidade musical singular que faz de Madonna uma das artistas mais populares de todos os tempos.

Parceiros

GeraLinks - Agregador de links

Business

Obrigado pela visita